Pages

Os valores serão debitados no dia 20 de abril

Em razão da calamidade pública aprovada pelo Congresso Nacional e das consequências do Coronavírus (COVID-19), o Instituto de Previdência do Estado de Roraima (IPER) decidiu antecipar o pagamento da primeira parcela do 13° dos segurados.

De acordo com o Presidente do IPER, José Haroldo Campos, o pagamento, que ocorreria somente no dia 20 de junho, será feito no dia 20 de abril. “Sabemos que o isolamento social, uma das principais formas de evitar a propagação do vírus, afeta a economia brasileira e, consequentemente, a saúde psicológica e financeira dos aposentados e pensionistas. Por isso, reafirmamos o nosso compromisso com todos os segurados”, disse ele.

O atendimento presencial na sede do Instituto foi suspenso. Todos os segurados estão sendo atendidos por e-mail e telefone. Apenas os casos de emergência serão atendidos, desde que previamente agendados pelos números fornecidos na página oficial da instituição e redes sociais, após consulta às Divisões e Atendimento e Perícia Médica.

O IPER também oferece aos aposentados suporte psicológico pelo telefone. “O serviço será prestado em tempo integral. Queremos oferecer esse acolhimento, tão necessário neste momento delicado que vivemos”, disse o Presidente do Instituto.

De acordo com o Psicólogo do IPER, Caobe Rodrigues, a quarentena implica em uma série de mudanças na rotina e na vida social da pessoa isolada, porque todas as saídas não essenciais e visitas a familiares e amigos ficam suspensas. “O isolamento, apesar de extremamente necessário, pode ser angustiante, em meio à pandemia. O nosso objetivo é tentar minimizar os danos à saúde mental que esse recolhimento social pode causar”.

A quarentena, estratégia de contenção da propagação do Coronavírus (COVID-19) indicada pela Organização Mundial de Saúde (OMS), já foi adotada por idosos e pessoas com doenças pré-existentes, que são mais vulneráveis ao vírus. Por isso, o Instituto de Previdência do Estado de Roraima (IPER) resolveu disponibilizar atendimento psicológico por telefone aos aposentados que estão isolados.

Basta entrar em contato pelo número (95) 99157-0660, por meio de ligação ou de mensagem via WhatsApp, explicou o Presidente do IPER, José Haroldo Campos. “O suporte funcionará em tempo integral. Queremos oferecer esse acolhimento, tão necessário neste momento delicado que vivemos”, disse.

De acordo com o Psicólogo do Instituto, Caobe Rodrigues, a quarentena implica em uma série de mudanças na rotina e na vida social da pessoa isolada, porque todas as saídas não essenciais e visitas a familiares e amigos ficam suspensas. “O isolamento, apesar de extremamente necessário, pode ser angustiante, em meio à pandemia. O nosso objetivo é tentar minimizar os danos à saúde mental que esse recolhimento social podem causar”.

Suspensão dos atendimentos presenciais

Considerando a declaração de pandemia pela Organização Mundial de Saúde (OMS), o IPER adotou medidas temporárias de prevenção ao contágio pelo Novo Coronavírus (COVID-19), entre elas a suspensão do atendimento presencial aos segurados, após a publicação da Portaria n° 319, de 17 de março de 2020.

O atendimento ao público será feito por meio eletrônico ou telefônico. Apenas os casos de emergência serão agendados pelos números fornecidos na página oficial da instituição e redes sociais, após consulta às Divisões de Atendimento e Perícia Médica.

O Presidente do Instituto de Previdência do Estado de Roraima (IPER), José Haroldo Campos, decidiu prorrogar, por mais dois anos, a partir do dia 17 de abril de 2020, o Concurso Público n° 002/2017, para provimento de vagas no cargo efetivo de Analista Técnico Jurídico. O resultado final do certame foi homologado pelo Edital n° 003/2018, publicado no Diário Oficial do Estado n° 3220, de 17 de abril de 2018.

Foi prorrogado também, por mais dois anos, a partir do dia 10 de maio do corrente ano, o Concurso Público n° 001/2017, para provimento de vagas nos cargos efetivos de Nível Médio Administrativo, Nível Médio Técnico, Nível Superior e Médico Perito Previdenciário. O resultado final foi homologado pelo Edital n° 005/2017, publicado no Diário Oficial do Estado n° 3235, de 10 de maio de 2018.

As prorrogações foram publicadas no Diário Oficial do Estado n° 3680, de 12 de março de 2020.

O atendimento presencial e a visitação pública estão temporariamente suspensos

 Considerando a declaração de pandemia pela Organização Mundial de Saúde (OMS), o Instituto de Previdência do Estado de Roraima (IPER) adotou medidas temporárias de prevenção ao contágio pelo Novo Coronavírus (COVID-19), entre elas a suspensão do atendimento presencial aos segurados, após a publicação da Portaria n° 319, de 17 de março de 2020.

 O atendimento ao público será feito por meio eletrônico ou telefônico. Apenas os casos de emergência serão previamente agendados pelos números fornecidos na página oficial da instituição e redes sociais, após consulta às Divisões e Atendimento e Perícia Médica.

 Ainda não há nenhum caso confirmado da doença em Roraima, mas a adoção de medidas tempestivas em países asiáticos para conter a propagação do COVID-19 mostraram resultados positivos. “O COVID-19 tem taxa de mortalidade elevada entre os idosos e pessoas com doenças crônicas, que, hoje, são o nosso maior público. O objetivo é preservar a saúde deles e também dos servidores”, disse o Presidente do IPER, José Haroldo Campos.

 O aumento da frequência de limpeza dos banheiros, corrimãos e maçanetas, a aquisição e a instalação de dispensadores de álcool gel nas áreas de circulação e no acesso a salas de reuniões são algumas da medidas adotadas.

 “A OMS indica, principalmente, lavar as mãos com água e sabão, que por ser uma substância que quebra a gordura, consegue destruir o envelope viral, matando esses organismos”, explicou o Chefe da Divisão de Atendimentos e Perícias Médicas, o Médico Douglas Henrique Teixeira.

 Além disso, estão temporariamente suspensos os deslocamentos e viagens dos servidores para capacitações, treinamentos e/ou participação em eventos com público elevado de pessoas enquanto perdurar o estado de emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus (COVID-19).

 O servidor ou estagiário que retornar de local onde existam casos confirmados da doença não deverá comparecer ao ambiente de trabalho, devendo, excepcionalmente, desempenhar suas funções, atribuições e atividades funcionais remotamente (teletrabalho) até o décimo quarto dia contado da data o seu retorno.

 As disposições constantes na Portaria n° 319 poderão ser alteradas, segundo a evolução epidemiológica da COVID-19 no Estado. A norma ficará vigente pelo prazo de 90 (noventa) dias, podendo ser prorrogada sucessivamente.

O Instituto de Previdência do Estado de Roraima (IPER) divulgou, hoje (6), o Calendário de Pagamentos 2020, onde constam as datas em que serão pagos os benefícios previdenciários aos aposentados e pensionistas. Segundo o Presidente do IPER, José Haroldo Campos, o objetivo é fazer com que os beneficiários se programem e honrem seus compromissos. 

É importante lembrar que os pagamentos realizados pelo Banco do Brasil serão creditados no mesmo dia. Já os pagamentos feitos por outras instituições financeiras poderão ser creditados em até dois dias úteis.

 

Referência/ Mês

Data de pagamento

Janeiro

04/02/2020

Fevereiro

03/03/2020

Março

02/04/2020

Abril

04/05/2020

Maio

02/06/2020

1ª parcela do 13º

19/06/2020

Junho

02/07/2020

Julho

04/08/2020

Agosto

02/09/2020

Setembro

02/10/2020

Outubro

03/11/2020

Novembro

02/12/2020

2ª parcela do 13º

18/12/2020

Dezembro

31/12/2020