Pages

A quarentena, estratégia de contenção da propagação do Coronavírus (COVID-19) indicada pela Organização Mundial de Saúde (OMS), já foi adotada por idosos e pessoas com doenças pré-existentes, que são mais vulneráveis ao vírus. Por isso, o Instituto de Previdência do Estado de Roraima (IPER) resolveu disponibilizar atendimento psicológico por telefone aos aposentados que estão isolados.

Basta entrar em contato pelo número (95) 99157-0660, por meio de ligação ou de mensagem via WhatsApp, explicou o Presidente do IPER, José Haroldo Campos. “O suporte funcionará em tempo integral. Queremos oferecer esse acolhimento, tão necessário neste momento delicado que vivemos”, disse.

De acordo com o Psicólogo do Instituto, Caobe Rodrigues, a quarentena implica em uma série de mudanças na rotina e na vida social da pessoa isolada, porque todas as saídas não essenciais e visitas a familiares e amigos ficam suspensas. “O isolamento, apesar de extremamente necessário, pode ser angustiante, em meio à pandemia. O nosso objetivo é tentar minimizar os danos à saúde mental que esse recolhimento social podem causar”.

Suspensão dos atendimentos presenciais

Considerando a declaração de pandemia pela Organização Mundial de Saúde (OMS), o IPER adotou medidas temporárias de prevenção ao contágio pelo Novo Coronavírus (COVID-19), entre elas a suspensão do atendimento presencial aos segurados, após a publicação da Portaria n° 319, de 17 de março de 2020.

O atendimento ao público será feito por meio eletrônico ou telefônico. Apenas os casos de emergência serão agendados pelos números fornecidos na página oficial da instituição e redes sociais, após consulta às Divisões de Atendimento e Perícia Médica.